Seleção Olímpica Masculina de Handebol se reúne no ABC Paulista

Depois de um estágio de treinos em São Sebastião do Paraíso (MG), a Seleção Olímpica Masculina de Handebol se reúne a partir de amanhã (26) em São Paulo. O grupo comandado pelo técnico Javier Garcia Cuesta dividirá os 14 dias de trabalho entre duas cidades do ABC Paulista: Santo André e São Bernardo. Nesse período, também, a Seleção Brasileira enfrentará a Inglaterra em três amistosos.

Foram convocados 22 jogadores dentro de um grupo que Javier Garcia Cuesta vem trabalhando até chegar à definição dos 15 que irão aos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara, no México, em outubro. Desse total, apenas o armador Bruno Souza ainda cumpre compromissos com seu clube no exterior e não se apresenta amanhã.

Os treinos com os 21 atletas começam logo no dia seguinte, no ginásio Baetão, em São Bernardo – no período da manhã, entre 10h e 12h e, à noite, das 18h30 às 20h30. Os amistosos entre Brasil e Inglaterra estão previstos para os dias 5, 7 e 9.

Segundo o técnico Javier Garcia Cuesta, o momento permanece sendo de forte preparação. “Continuamos com o trabalho que já vínhamos fazendo e esses jogos contra a Inglaterra servirão para uma avaliação. Será uma preparação de grande importância para melhorar ainda mais a capacidade da Seleção Brasileira”, afirmou o treinador espanhol.

E Javier destaca que o valor desses três amistosos está na oportunidade e não na vitória. “A Inglaterra tem uma equipe nova, que vem fazendo uma forte preparação, e temos que jogar bem. Mais do que o resultado, o importante é ver como somos capazes de jogar”, ressaltou Javier Garcia Cuesta.

O jovem armador Thiagus Petrus, de 22 anos, está ansioso pelo período com a equipe do Brasil. “Ir para a Seleção Brasileira sempre motiva muito qualquer jogador. E, nesta fase, além de treinar, poder fazer esses amistosos, é ainda mais animador, já que, assim, poderemos colocar em prática o que vem sendo treinado. E esse tipo de intercâmbio com outras seleções é fundamental na nossa preparação para os Jogos Pan-Americanos”, comentou Thiagus.

O armador do E.C. Pinheiros e da Seleção Brasileira não esteve presente na fase de São Sebastião do Paraíso por estar em recuperação de uma lesão na coxa esquerda. Agora, chega com total disposição para mostrar serviço ao técnico Javier Garcia Cuesta, sempre com um modelo de trabalho em mente.

“O Marcão (goleiro da Seleção Brasileira) é um exemplo de dedicação e força de vontade. Ele sempre quer treinar mais do que os outros e tento seguir esse exemplo. É assim que quero iniciar logo com os treinamentos e dar o máximo para ajudar a Seleção, pois sei que essa fase vai ser importante para o nosso grupo”, concluiu Thiagus Petrus.

Explore posts in the same categories: Guadalajara 2011, Handebol, Jogos Pan-Americanos

Tags: , , , ,

You can comment below, or link to this permanent URL from your own site.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: